Mustang: partiu um companheiro

03-01-2022

Hoje deixou-me um grande companheiro... o mais especial, pois foi com ele e juntamente com o Dollar, que dei os primeiros passos e que me estreei em praça: MUSTANG... 

Um cavalo que marcou uma época, que nenhum aficionado ficou indiferente a cada presença sua em todas as praças por este país fora. 

Atrevo-me a dizer que talvez fosse o cavalo mais popular, em que até na praça mais longe deste país sabiam o seu nome...

 Morreu de velhinho, chegou quase aos 30 anos... que guerreiro!!!

Tantos triunfos que deste ao meu pai, tantos troféus que conquistaram juntos, tantas atuações que eu em criança vibrei com vocês os dois... Que Dupla... 

Fizeste a tua despedida no dia 10 de Junho de 2012 em Santarém, comigo, na corrida de comemoração dos 25 anos de alternativa do meu pai. E que último ferro meteste que pôs a praça em alvoroço, a maior de Portugal, uma praça à tua altura.

 Descansa em paz meu fiel amigo, OBRIGADO POR TUDO O QUE DESTE A TODOS NÓS! 

Os verdadeiros heróis nunca morrem, permanecem vivos na nossa mente e no nosso coração... SEMPRE!

Luís Rouxinol Jr